Retrato polêmico do rei Charles III ganhará novo destino no Palácio de Buckingham após repercussão

Você viu, se intrigou, comentou e deve ter dividido sua opinião com mais alguém. O retrato do rei Charles III pintado pelo artista Jonathan Yeo causou comoção ao ser revelado no mês de maio pela interpretação mais livre e poética da tradicional arte de registrar monarcas e figuras de projeção.

Agora, de acordo com a publicação “The Times”, a obra vai ocupar um lugar especial no Palácio de Buckingham para que seja exposto entre os meses de julho e setembro, a pedido do próprio monarca.

O retrato foi o primeiro a ser revelado desde que Charles assumiu o trono da Inglaterra, após a morte de sua mãe, a rainha Elizabeth II. O rei posou em diferentes ocasiões para o artista, famoso também pelas representações de nomes do entretenimento como Nicole Kidman e Idris Elba.

Depois de conquistar manchetes e reproduções na mídia impressa e online de todo o mundo, o público tem a oportunidade de vê-lo com os próprios olhos enquanto é exibido na galeria Phillip & Mould Co, desde sua apresentação.

Conheça Jonathan Yeo, artista de novo retrato do rei Charles III
Conheça Jonathan Yeo, artista de novo retrato do rei Charles III

Depois disso, entre os meses de julho e setembro, quando o Palácio de Buckingham recebe visitas, a obra deve ser levada para a residência oficial da família real para que mais pessoas possam ter acesso à obra diretamente, de maneira gratuita.

Nas das primeiras semanas de sua exibição na galeria, o quadro impressionante reuniu mais de 8 mil visitantes eufóricos por presenciarem o resultado do trabalho de Jonathan.

No Palácio de Buckingham, o quadro deve der disposto em um salão de forma que os visitantes o presenciem como se estivessem em uma reunião direta com o monarca. Ele deve fazer companhia a outras obras célebres da Royal Collection, que incluem quadros de Canaletoo, Rubens e Van Dyck, de acordo com o jornal britânico.

Você gostaria de sentir o impacto da obra pessoalmente? Comente no espaço abaixo!

Veja também…

Deixe um comentário