Preço do bitcoin atinge altas históricas em euros e libras. Até onde a criptomoeda deve chegar?

Nesta segunda-feira (04/03), o preço da criptomoeda bitcoin atingiu picos recorde nas cotações em euros e em libras esterlinas.

Na primeira, a cotação de bitcoin ultrapassou os 60 mil euros no começo desta manhã antes de cruzar os 62 mil euros assim que o mercado norte-americano começou a operar. Em libras, a cotação atingiu 53 mil no começo da segunda-feira, ultrapassando o pico anterior de 51 mil libras em 2021.

Já no mercado de dólar, falta pouco para o bitcoin atingir o pico mais recente, de novembro de 2021, de 69 mil dólares, com cotação na faixa de US$ 67 mil no começo do dia. Só nos primeiros quatro dias do mês de março, a criptomoeda já se valorizou 10%, após atingir a escalada de 44% em seu valor durante o mês de fevereiro.

Alta do bitcoin a partir de fevereiro de 2024

Um dos motivos associados à alta do bitcoin é a introdução de novos ETFs vinculados ao bitcoin no mercado de ações dos Estados Unidos – só no fundo de uma corretora, na BlackRock, o valor acumulado de investimento ultrapassou os US$ 10 bilhões em sete semanas. Para efeito de comparação com o ouro, o primeiro ETF do mineral levou cerca de dois anos para atingir este patamar, segundo comparação do site CryptoNews. Outros fundos similares também acompanham o mesmo movimento.

Com a movimentação em alta, o site afirma que é provável que a cotação da criptomoeda se mantenha inflacinada no mercado norte-americano, já que traders costumam valorizar muito seus investimentos em marcos como a presente alta sendo atingidos.

A expectativa é que o bitcoin cruze a barreira dos 70 mil dólares pela primeira vez e, de acordo com análises e projeções gráficas, a realidade do bitcoin na casa dos US$ 100 mil pode ser atingida até 2025.

Veja também…

Deixe um comentário